Vacant (Dream Theater)

(Dream Theater)

Aquele sentimento vago de que o efêmero foi eterno em sua época. A nostalgia incompleta que termina seu ciclo contra todas as leis da filosofia. Termina, e nada resta. Apenas a lembrança desacompanhada de sentimento. Solitária. Não creio que o vazio possa permanecer em foco eternamente, tampouco durar para sempre no plano de fundo. Pois o vazio é o que há de mais sólido em uma mente insana, e nesta nenhuma matéria perdura. O que agora parece não ter fim irá embora com o pôr do sol, garanto. Queria eu ter pensado nisso enquanto o tinha em meus braços, assim teria me dado conta de que era tudo efêmero e não estaria chorando sobre este livro, não é mesmo? Sim, estou lendo o livro que me recomendara. Falta-me o cachimbo, porém não me faltam cigarros. Voltei a eles, por que não? Você não está por perto para apagá-los.

Você não está por perto. (Está?)

(Então me dou conta de que…) Nunca esteve.

Este vazio que me abraça… (É você?)

Queria poder dizer que dói pensar em ti. Queria sentir algo que me lembrasse de nosso amor, nem que fosse o contrário do amor que sentíamos. Queria você. De novo. Queria. Não mais. Não hoje. A mentira repetida mil vezes torna-se verdade. Faltam apenas algumas centenas…

 

http://letras.ms/MIs

Anúncios

Sobre Marina Rentes

A antítese ambulante.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Vacant (Dream Theater)

  1. cartasbreves disse:

    Nhoooooooooooooooooooin, que post lindo ❤
    Isso tudo me lembra a Clarice, sabe? O vazio que te abraça e afins. Não consigo ler este texto e não me lembrar de um da Clari em que ela é tomada por um sentimento maternal pelo próprio deus, o de conhecer o tudo e o concreto, até. Esse instinto de criação persiste no seu texto: do mesmo jeito que o vazio e a dor absoluta te forçam a criar um texto, o conhecimento que a Clarice retrata e o instinto maternal também a forçaram a fazer o mesmo.
    Parabéns, marida ❤
    Te amo e, quando você ficar RYCAH, não se esqueça de mim.

  2. Vocênãomeconhecemaseuconheçovocê disse:

    Simplesmente não tenho o que dizer. É mais perfeição do que as minhas meras palavras podem descrever. Perfeito. Continue assim e eu continuarei te amando.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s